Voluntários da Copa do Mundo

19/06/2014 - Atualizado em 01/08/2014 10:54

A Arena Pantanal em Cuiabá receberá quatro jogos durante a Copa do Mundo, durante o período deverão passar pelo Estado do Mato Grosso mais de 40 mil turistas, além de mais de 2 mil profissionais de 91 países que trabalharão durante os jogos. Essa horda estrangeira será recepcionada e auxiliada pelos voluntários escalados pela Fifa para a Copa do Mundo.


Voluntários como Willian Fidelis de Lima, cuiabano de 33 anos, terão uma missão tripla, auxiliar, receber e mostrar o espírito amistoso do mato-grossense. Nas palavras de Willian, “o cuiabano conhece a pessoa hoje, já vira amigo, já chama pra ir em casa, prum bar(…) e isso a gente não vê em outros lugares”. Esse é o espirito que os turistas irão encontrar em Cuiabá e nas demais cidades do Estado que deverão atrair turistas durante esses 30 dias de jogos.

A seleção dos voluntários foi extensa. Willian passou por um processo que durou cinco anos, entre entrevistas e treinamentos. Convocado, Willian afirma que leva esse espirito cuiabano em tudo que faz, e diariamente é assim que ele conversa, auxilia e recebe os turistas e profissionais na Arena Pantanal, justamente o que a Fifa e o Governo precisam.

O trabalho de pessoas como Willian projeta a boa imagem de Cuiabá para o mundo, pois esta horda de turistas e profissionais, quando voltarem aos seus países, levarão com ele um gostinho do espírito mato-grossense, e daí certamente surgirão novos visitantes para nossa Estado quando esse conhecimento se espalhar.

Voluntários e a Copa

Os voluntários estarão envolvidos em todas as ações relacionadas à Copa do Mundo, os trabalhos começaram no dia 12 de junho, com a Fifa Fan Fest e se intensificaram com o primeiro jogo na Arena Pantanal, Chile x Austrália, realizado no último dia 13 de junho. Além de Chile e Austrália, Cuiabá recebe outras quatro partidas da primeira fase da Copa do Mundo.

 

Se gostou, compartilhe:

2018 - Todos os direitos reservados.